personagens de animadores brasileiros

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Wilson Pinto

     Wilson foi um animador que se dedicou à produção publicitária.
   Em 1966 a empresa Petróleo Brasileiro S.A (Petrobrás) produziu Um Rei Fabuloso com direção de Wilson Pinto.
   Wilson criou o personagem Petrolino, um menino negro como petróleo. Ele fazia dupla Tonico, e eles estrelaram uma série de gibis distribuídos gratuitamente pela estatal.   Petrolino Foi o primeiro "Garoto Propaganda" da Petrobras na década de 60. Era ele que  mencionava a famosa frase: "O petróleo é nosso".




   Esse gibi foi distribuído nas Escolas. A Aventura tem como pano de fundo a Petrobrás e tem intenção educativa. Conta uma aventura dos dois protagonistas, com participação até do Pinochio e do Velho Gepeto.  
   Foi publicado em 1968, o o Desenhista dessa edição foi Wilson Pinto.

   Wilson Pinto tornou-se um ótimo desenhista animador, realizou um filme com o famoso personagem criado por Ziraldo chamado Jeremias, o Bom.


   Anos mais tarde, ele animou filmes com as gotinhas da Esso

                           






















Uma gota consagrada
Em 1950 os brasileiros conheceram na televisão o desenho animado que já fazia sucesso em vários países do mundo: “Esso Gubben”, personagem representado por uma gota de gasolina. O personagem foi criação do sueco Günnar Dalin, na verdade um aperfeiçoamento do personagem apelidado de Esso-Manden (um boneco gorducho, risonho, com a cabeça imitando uma gota, em perspectiva), desenhado durante a Segunda Guerra Mundial pelo dinamarquês Vilhelm Hansen, e utilizada na época para a ingrata função de desestimular a venda de gasolina, em virtude do racionamento que o mundo vivia em tempos de guerra. A empatia com o consumidor levou o personagem a correr o mundo, assimilando em cada país as suas próprias características: um par de esquis na Noruega, um suéter na Suíça ou um albornoz na Tunísia.
 -                                                      
 

   Quando o simpático personagem foi apresentado aos brasileiros, a sua silhueta estava mais para o “Esso Peet” (nome escolhido em concurso realizado pela Standard Oild junto à seus funcionários) que nos Estados Unidos tinha a função de ser o elo entre a empresa e os funcionários para ações de endomarketing. A agência brasileira da McCann, numa decisão inédita, até aquele momento, em todo o mundo, decidiu transformar o gotinha da ESSO no Casal Gasolino (sua companheira era uma gotinha charmosa), idéia do Diretor de Arte da agência Roland Tompakow. O casal estreou em anúncio da revista Essograma. Os franceses seriam os primeiros a adotar o casal, adicionando à versão feminina uma fitinha no cabelo. Os colombianos, mais afoitos ou talvez mais conservadores, transformavam o romance em matrimonio. As gotinhas simpáticas, além dos anúncios e animações para TV, viraram também peças promocionais: os bonecos e os chaveiros eram muitas vezes colecionados. O casal ajudou a empresa a conquistar a liderança da marca ESSO no mercado brasileiro.
-


   Nesta época Wilson era sócio de um excelente desenhista-animador chamado Heucy Miranda. A dupla produziu uma série de ótimos comerciais durante anos. 


Wilson Pinto produziu e animou o primeiro curta-metragem colorido brasileiro. 

4 comentários:

  1. Obrigada por postar esse breve histórico sobre meu pai. Fiquei muito feliz em ver que ele ainda é lembrado como um grande artista por outros grandes artistas. Parabéns pelo blog.
    Meu pai está no facebook: http://www.facebook.com/wilson.pinto.583?ref=ts&fref=ts

    ResponderExcluir
  2. Que maravilha saber de Wilson Pinto. Agora mesmo irei contactá-lo! Vida longa ao Mestre!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns a esse super desenhista!!! Profissional que trabalhava com sua alma!!! Um ser humano esplêndido!!! Com certeza está animando as pessoas no céu!!!
    Claudia Marcondes.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns a esse super desenhista!!! Profissional que trabalhava com sua alma!!! Um ser humano esplêndido!!! Com certeza está animando as pessoas no céu!!!
    Claudia Marcondes.

    ResponderExcluir